domingo, 10 de agosto de 2008

Eu tenho medo do Personare


Um joguinho de Tarot no site do Ego Astral, como quem não quer nada...

Conflitos pesados

Este primeiro arcano representa a síntese de seu momento afetivo. Uma carta que serve como prévia dos principais aspectos que cercam a questão. Descubra nesta posição o potencial básico do que perguntou.

O 3 de Espadas emerge como significante central de sua questão neste momento, Virginia. Este é um arcano um tanto quanto triste, pois sugere o transbordar de um conflito inevitável, algo entalado que precisava ser posto para fora. E, geralmente, este processo de limpeza incorre em dor e no risco de separações. O que é preciso compreender, neste momento, é que a emergência de conflitos faz parte do desenvolvimento e da maturação da alma e que nem sempre a vida é do jeito bonitinho que nós gostaríamos que fosse. Um conflito que se mantinha em estado de latência finalmente transbordou ou irá, muito em breve, eclodir. Você precisará de força para saber lidar com o seu próprio sofrimento e o dos outros. O que não pode ocorrer é fazer de conta que não há problema algum. Quanto mais você evitar a consciência daquilo que dói, mais a coisa doerá. O melhor ato neste momento é o cirúrgico: identifique o foco do seu incômodo e olhe diretamente para ele, não fuja do confronto.

2 comentários:

Sissi disse...

oi, vica! eu achei que vc tinha toneladas de roupa preta para trabalhar. não era isso? mas essa seção, roupas do ofício, foi feita pensando em você! bjs, sissi

Carol disse...

Eu, definitivamente, tenho medo do personare!