segunda-feira, 14 de abril de 2008

Há muitas razões para duvidar e uma só para crer.


Eu era assim, cheia de mim, dizia: eu nunca me engano com as pessoas. Mas sempre tem uma primeira vez; uma primeira, e uma segunda e uma terceira...
Você gosta de alguém, você confia em alguém, você até quer dar colo para esse alguém, e a pessoa vai lá e te apunhala pelas costas, sem dó nem piedade.
Então você perde a confiança em todo mundo, não só naquela pessoa que te sacaneou. Te dá conta de que se engana, sim, e muito, sobre todas as pessoas e qualquer novo "amigo" passa a ser visto como um potencial inimigo. Mas, depois de algum tempo, você se convence de que existem, sim, pessoas que merecem a sua confiança e com as quais você pode ser sincero e mostrar quem você realmente é, porque essas pessoas te entendem e te aceitam.

5 comentários:

Virgínia disse...

Só pra esclarecer que os butiás já voltaram pro bolso.

Mauren disse...

Eu ando meio cansada dessa coisa de me enganar com as pessoas...ter que recomeçar...buscar 'novos ' amigos...pra mim, no momento, tá mais para o caso de 'deixar prá lá!' ... ou entrar para o tal de movimento 'Cansei'! Um bj

Cacá BH disse...

oi moça...
então...
felizmente para cada um que apunhalha aparecem no mínimo 5 que são pessoas que realmente nos valorizam, não nos enganam...
mas não tem jeito...
a sempre vai se enganar com um ou outro...
beijos

Dani disse...

Isso é a mais pura verdade.

Gabriel Gama disse...

começo, meio e fim.

abraço!