terça-feira, 7 de julho de 2009

Carta a Daniel 6

Querido Daniel,
deixei mais uma mensagem naquela secretária eletrônica. Será que ele ao menos as escuta? Pensei que poderia ligar toda semana, e deixar mensagens contando tudo o que se passa. Na quinta fui dormir nos braços de um, na sexta acordei nos braços de outro, tão diferentes os dois.
Eu recebi um beijo no rosto e saí porta afora e foi melhor do que beijo na boca.
Eu pensei nos teus lábios e na textura que devem der.
Ele disse que me encontrou na rua e resolveu me levar para casa. Eu pensei que ele deveria então cuidar de mim e fui chorar na casa dele no domingo à noite, vendo filme triste e bebendo vinho. Nós não somos hipócritas, ele me disse. Nós somos diferentes. Pensei em ti de novo.
Sonhei com a praia. Apenas a praia. Não sei se estavas lá, quero que estejas.
Depois da confusão toda, algo deve acontecer. Eu espero uma mensagem, eu sei que ela vem. Amanhã vou colocar no correio um postal. Eu queria te mandar doces, gostarias de recebê-los?
Choveu, e eu queria que chovesse mais. Eu beijei lábios que não eram os teus, eu fiquei feliz, eu quis chegar em casa e te encontrar. Eu quis me jogar nos teus braços. Tu és fumaça, não sei onde estás.
Ele abriu meu caderninho justo na página onde está escrito teu nome. Eu fiquei com vergonha. Tudo isso são os dias em que vivo aqui, longe de ti. Eu nem sei o que faria diferença no momento. Sequer sei o que me faria feliz. Apenas sei que a felicidade só pode ser real quando ela é compartilhada. Eu gostaria de poder rir de novo. De verdade. Mas não consigo. Eu me sinto um saco de risadas: falsas. Eu quero um banho de mar como aquele, sorriso verdadeiro, abraço molhado, areia, sal.
Eu penso que és o único que consegue me entender. Há algo a ser entendido, de fato há. Mas ninguém vê, ninguém vê, e talvez eu realmente fale demais.
Prometa que vais me escrever.
Beijos com gosto de doce de leite,
C.

2 comentários:

Dani disse...

Vc anda inspirada hein?
Ficção ou realidade? ( curiosa eu)
lindo..
beijo

Faxina

Vica disse...

Ficção e talvez uma pitada de realidade, amiga! ;)