quarta-feira, 15 de setembro de 2010

Dia 25 – O seu dia, em grande detalhe

Vai o dia de hoje, mesmo. Acordei com frio, Olívia amontoada em cima de mim, celular do namorado despertando (odeio), ele dormindo. Resolvi dormir mais um pouco mas os celulares ficavam despertando toda hora... aí levantei e corri pra tomar banho antes que alguma outra pessoa fosse (eu divido apartamento com amigas - e seus namorados, eventualmente). Banho tomado, fui me vestir e acordar o namorado. Abri a porta da sacada pra Olívia ir pegar um sol. Namorado ficou rateando, fui fazer café pra mim, porque ele toma café no trabalho. Mandei o namorado ir tomar banho. Terminei de me arrumar, terminei meu café, apressei o namorado, saímos. Reclamei pela milionésima vez do frio, nos despedimos, fui pegar o ônibus. 
O ônibus veio lotado, eu dei R$3,00 para a cobradora, ela me deu o troco, uma senhora reclamou quando eu passei, porque não havia espaço. Desci do ônibus no meu ponto, fiz a caminhada básica até o trabalho, cheguei um pouco atrasada.
Liguei o computador, peguei caneca pra tomar café e copo pra tomar água, sentei. Peguei a agenda de hoje e fui olhando e matando. Isso eu faço num programa de acompanhamento dos processos. Olha o andamento na internet, informa no sistema, lança alguma providência, NEXT.
Depois peguei os processos que tinha em cima da minha mesa e fui fazendo. Faltou água no trabalho e eu fiquei sem ir ao banheiro até a hora do almoço.
Saí para o almoço, fui no banheiro do shopping. Almocei sozinha, frango ao molho quatro queijos com arroz e batata frita. O garçom que me atendeu chamava-se Alex, ele usava um crachá e me disse o nome dele duas vezes. Fiquei lendo twits do celular e fiquei sabendo que minha irmã tinha ido na emergência com a minha mãe. Liguei pra minha irmã, ela não me atendeu. Fui tomar o café mais caro do mundo, na Kopenhagen. R$3,20 por um expresso. Mas vem com petit wafer, que é um wafer com bastante chocolate na ponta, delicioso, então compensa.
Fiquei analisando as pessoas que passavam e concluí que naquele shopping vão pessoas muito chiques e pessoas muito esquisitas e eu devo me encaixar mais no grupo dos esquisitos.
Minha irmã me ligou e disse que não tinha acontecido nada de grave com a minha mãe.
Paguei trocadinho e a moça do caixa me agradeceu muito.
Voltei para o trabalho e achei meio triste ver pessoas almoçando salgado de boteco na esquina.
Fiquei fazendo meu trabalho, fui esclarecer umas dúvidas com o chefe, conversei com a filha dele sobre uma apresentação que terei que fazer em dezembro e sobre umas providências a tomar em alguns processos. Pesquisei sobre execução fiscal do município. Encontrei umas jurisprudências interessantes do STJ.
Mandei mensagem no celular pra uma amiga. Mandei mensagem no celular pro namorado. Mandei e-mail pro namorado.
Li no Migalhas que a Suzanne Von Ritchthofen acusou um promotor de justiça de assédio sexual e ele foi suspenso por um mês, acho...
Fiquei pesquisando um celular novo pra comprar. Pensei em comprar uma coisa de presente pro namorado, mas quando tentei, o produto estava indisponível no site, GRRRRR!!!
Voltei caminhando pra casa, pensei em passar no supermercado mas não passei. Fiquei triste porque um vestido que estava namorando numa loja tinha sumido da vitrine.
Cheguei em casa, crente que ia comer meus morangos, que comprei na feira no sábado e descobri que aqui também não tinha água!
Namorado me ligou e disse que tinha chegado atrasado na aula e que o dia tinha sido difícil.
Recebi uma ligação da avó do meu ex, querendo saber como eu estava. Ela ofereceu a casa dela para que eu tomasse banho, mas por medo de dar de cara com o ex, polidamente recusei.
Comi um sanduíche de mortadela, queijo e alface mal lavada, com um copo de suco de pêssego.
Fiquei conversando no gtalk com a Dani e a Maitê. Escrevi e-mails, mandei currículos, respondi e-mails, joguei farmville, tuitei. Comi duas fatias de pão torrado com manteiga. Lavei 4 morangos em água mineral e comi.
E agora eu vou tomar banho de lencinho umedecido, botar o pijama, ler um pouquinho e ir dormir.


Um comentário:

DaniNeves disse...

kkkkkk.... pensei que só eu achaque o café da Kopenhagen era o mais caro do mundo....
Bjs